Autor da Lei Amigos do Parque, Beto Pereira diz que projeto foi abraçado por Campo Grande e transformou o Parque dos Poderes

Impulsionado pelo Projeto “Amigos do Parque”, hoje o Parque dos Poderes é considerado uma das principais alternativas para a prática esportiva e de lazer dos campo-grandenses aos finais de semana e feriados. Cercado pelo complexo ecológico do Prosa e sede dos poderes de Mato Grosso do Sul, o local em Campo Grande se consolidou nos últimos anos como espaço para a realização de eventos esportivos. 

Para se ter uma ideia, em 2023, mais de 30 eventos de ruas foram organizados. Corridas de rua, caminhadas, maratonas, pedaladas e, até mesmo, desfiles de animais domésticos, como a Cãominhada, foram realizados. Somente a Corrida do Pantanal e a Corrida dos Poderes, ambas em outubro, e a maratona Internacional de Campo Grande, em maio, levaram mais de 25 mil pessoas as ruas do parque ecológico. Segundo a Prefeitura do Parque, ao todo 33 eventos foram organizados no espaço.

Autor da Lei Estadual Amigos do Parque, o deputado federal e pré-candidato à Prefeitura de Campo Grande, Beto Pereira (PSDB-MS), comemora as atividades contínuas que ocorrem no complexo. Para Beto, o parque foi acolhido pela população da Capital e toda estrutura apresentada hoje aos usuários faz justiça a um patrimônio sul-mato-grossense. “O Parque dos Poderes é um patrimônio de Mato Grosso do Sul. Sonhamos em 2015 que esse espaço fosse abraçado por todos e hoje é inimaginável pensar em Campo Grande sem pensar no parque e na beleza natural do local”, disse Beto.

 

Projeto Amigos do Parque e revitalização

Sancionado em setembro de 2015 pelo ex-governador Reinaldo Azambuja (PSDB), a Lei nº 4.682, de 12 de junho de 2015, que instituiu o Projeto Amigos do Parque, tinha como objetivo inicial incentivar a prática de atividades físicas e esportivas, recreação e turismo. Nesses quase nove anos em vigor, e com apoio das entidades estaduais de segurança pública e de trânsito, o projeto oportunizou uma retomada social e esportiva da reserva ecológica. 

Com isso, e com apoio político do deputado federal Beto Pereira, o ex-governador de Mato Grosso do Sul Reinaldo Azambuja entregou em 2022 a primeira revitalização do Parque dos Poderes em quase quatro décadas desde a sua criação.  O complexo foi totalmente restaurado, com recapeamentos das ruas, troca de pontos de ônibus, instalação de ciclovias e pista de caminhada, reforma dos estacionamentos e entre outras intervenções que garantem segurança e acessibilidade aos usuários. 

Em 2023, o governador Eduardo Riedel (PSDB) entregou um novo espaço no Parque dos Poderes. O Centro de Múltiplo uso Arquiteta Zuleide Simabuco Higa conta com sanitários masculino e feminino, banheiro especial, fraldário, multiestação de ginástica ao ar livre, um tótem vaporizador de água para que os usuários do parque se refresquem, bebedouro em inox, playground, calibrador de pneus, kit coletor de fezes de animais e kit ferramenta para bicicletas.

 

Foto: @fotosfree.cg

×